quarta-feira, 18 de maio de 2011

Mulher é atacada pelo próprio pit bull

Ela ia sair com o filho de 3 anos quando viu que o cachorro estava solto.
Bombeiros tiveram que ser chamados para controlar o animal.





Uma mulher de 22 anos foi atacada pelo próprio cachorro da raça pit bull, nesta segunda-feira (21), na Zona Oeste do Rio. A manicure Caroline Venâncio disse que o animal sempre fica preso nos fundos da casa em Campo Grande, mas ele conseguiu se soltar.
Ela contou que ia sair com o filho de 3 anos e, por volta das 12h, percebeu que o cachorro tinha se soltado. Ela foi prendê-lo quando ele atacou.
“Eu consegui me soltar dele e entrei em casa. Minha irmã chegou no portão e eu disse para ela se afastar porque ele ainda estava solto. Ele mordeu as minhas duas mãos. A esquerda ficou mais ferida, mas não foi nada grave”, disse ela.
Caroline  contou que já está com o animal há 4 anos. “Ele nunca atacou ninguém. Ficava sempre na coleira. A gente não sabe como ele se soltou”, falou.
O Corpo de Bombeiros foi chamado e foram necessários pelo menos quatro agentes para conter o pit bull. A assessoria da corporação informou que foi usado um enforcador (um cabo com uma tira de lona).
Caroline disse ainda que ela foi a um hospital, foi medicada e foi feito um curativo na mão esquerda. Ela informou que a orientação da médica é observar as reações do cachorro por 10 dias. A manicure disse que na terça-feira (22) irá a um posto de saúde para tomar a vacina anti-rábica.
"Vou ficar com ele por cerca de 10 dias para ver as reações dele. Sei que ele pode até morrer se estiver com raiva. Mas caso ele fique bem, vou me desfazer dele por causa do meu filho pequeno", explicou ela.



tagues, pit bull,pitt bull,bull terrier,pitbull,rottweiler,pit bulls,fotos pit bull terrier,ataque de pit bull,bull terrier,golden retriever,pitbull atacando,fotos de ataques de pitbull,Ataque Mordidas de Pitbull,ataque de pit bulls,



2leep.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário